Além da invisibilidade: história social do racismo em Porto Alegre durante o pós-abolição

Além da invisibilidade: história social do racismo em Porto Alegre durante o pós-abolição
Autor: Marcus Vinicius de Freitas Rosa
Formato: Brochura
Disponibilidade: Em Estoque
ISBN: 978-85-68569-
Preço: R$ 45,00
Qtd:     - OU -   Lista de Desejos
Comparar

Este livro aborda as relações estabelecidas entre negros e brancos em Porto Alegre durante o período de 1884 e 1918. Os momentos finais da escravidão no Rio Grande do Sul, mais particularmente a conjuntura emancipacionista de meados da década de 1880, constitui o ponto de partida. Tal período foi marcado pela preocupação acerca do destino dos libertos, pelo debate acerca da concessão de direitos civis àqueles que, até então, eram não-cidadãos, pela incidência de diversas medidas de controle social sobre os trabalhadores e pela busca de soluções para a suposta “ausência de mão de obra” gerada pelo cada vez mais elevado número de alforrias, problemas que deveriam ser resolvidos através da importação de trabalhadores europeus. Pelas três décadas posteriores à Lei Áurea, este estudo se volta para uma das principais e inevitáveis consequências da política de imigração em um país marcado pela escravidão: a proximidade, a coexistência e a convivência entre trabalhadores com variados tons epidérmicos e diversas origens étnicas e raciais. Buscou-se identificar os significados atribuídos à raça – implícitos ou explícitos, fosse por meio da cor, da nacionalidade ou de certas “qualidades” e “origens” distintivas, e até mesmo através de certos silêncios – envolvidos nessas relações, tendo como palco a capital do Rio Grande do Sul.

Ano: 2019

Edição: 1ª

Editora: EST Edições

Idioma: Português

Páginas: 272

Papel: Ofício

Est Editora © 2019