Ricordi di una Terra lontana

Ricordi di una Terra lontana
Autor: Fiore Giuseppe Marrone et al.
Formato: Brochura
Disponibilidade: Em Estoque
ISBN: 9788524102624
Preço: R$ 30,00
Qtd:     - OU -   Lista de Desejos
Comparar

É uma obra que florifica a saudade, a lembrança e a evocação da gente calabresa em terras da América. Vindo de Morano o ar da Calábria bela, Morano de sonhos, esperanças e recordações. Morano Cálabro e Porto Alegre duas associações étnicas com o calor, vivência e o espírito de luta dos italianos meridionais que tanto honraram e honram a Nova Pátria que escolheram de coração. Dividida em treze capítulos sendo que a primeira parte constitui-se de um panorama histórico da Calábria e a formação da República Italiana, a segunda detém-se com positivos fundamentos, nas diversas dominações estrangeiras da terra moranesa, abrindo subcapítulos que falam das origens, Idade Média, Unificação até meados do século XX.  Abriu-se outro para Morano em meados do século atual, com disposição da cidade, um passeio pelos campos que circundam Morano e as casas moranesas. Descreve as igrejas, os mosteiros e as ruínas do Castelo de Morano e o ciclo da Arte Sacra. Um capítulo para Lo Calascione Scordato e Domenico Bortolo.

Apresenta algumas estrofes com a tradução e explicação e os provérbios moraneses constituindo-se numa pesquisa única, levantamento inicial, magnífico, além da originalidade e precisão. O pitoresco registro das pragas e blasfêmias, excelente como os outros, mas, peculiar no contexto do levantamento feito com tanta visão. Um caprichoso, rico e variado capítulo, repleto de esclarecimentos de primeira ordem numa coleta bem feita, sobre costumes moraneses em meados do século atual, com a educação e os jogos de infância, nascimento e morte em Morano, o casamento moranês, o traje típico, as festas moranesas, atividades, curiosidades. Uma coleta de primeira ordem da mais alta qualidade sobre o imenso acervo das tradições moranesas abundantes em suas fontes de nascença e cujas raízes determinam as estruturas do dialeto calabrês.

Apresenta também uma relação de apelidos que expressam seu significado em língua portuguesa. Finaliza examinando as lembranças de uma terra distante. Terra distante que se implantou, através da colonização e correntes imigratórias, no RS e que impressiona pelo número de moraneses e descendentes. Sua vida, sua marca e o inevitável das influências recíprocas: gaúcho-moranês, moranês-gaúcho.

Ano: 1990

Edição: 1ª

Editora: Sagra Luzzatto

Idioma: Italiano e Português

Páginas: 288

Papel: Ofício

Est Editora © 2019