Vênetos nossos antepassados

Vênetos nossos antepassados
Autor: Monsenhor Antônio Domingos Lorenzatto
Formato: Brochura
Disponibilidade: Em Estoque
ISBN:
Preço: R$ 40,00
Qtd:     - OU -   Lista de Desejos
Comparar

Mostra as raízes precisas da história vêneta, como capítulo da história universal. A emigração da Itália para o mundo, especialmente a partir de 1875, levou grande contingente de Vênetos a fazer do mundo sua pátria. E os Vênetos sempre atestaram abertura e incorporação a outras e de outras culturas. Não apenas por contingências comerciais, mas por sua destinação histórica, no fluir dos séculos, Veneza se tornou o centro ou a mesa comum das principais culturas do mundo. O autor situa os Vênetos no contexto e como parte integrante da história universal: não um povo isolado ou fechado, mas fazendo história com identidade própria junto de outros povos e culturas. O cultivo harmônico da própria identidade, sem apelos a violências de qualquer ordem, a convivência solidária com outros povos e culturas, fazem dos Vênetos do mundo inteiro um capítulo de exemplar integração de povos, raças e culturas.

O autor classificou e qualificou os Vênetos desde suas remotíssimas origens até o último quartel do século XIX, quando em 1875 começou a grande emigração da Itália do norte para o Brasil, a Argentina, os Estados Unidos, a Austrália... e na segunda parte tratou dos Vênetos que no fim do século passado se fixaram no Rio Grande do Sul, São Paulo, Espírito Santo, Minhas Gerais e que durante um pouco mais de cem anos ajudaram imensamente a desenvolver as terras onde se localizaram e levaram o progresso e a riqueza ao interior brasileiro e já estão atingindo a Amazônia. Quem eram os Vênetos de ontem? Eles são um importante ramo da gigantesca raça ariana nobre.

Est Editora © 2019